© 2017 Due Cuori in Italia
duecuoritalia@gmail.com
Criado por Carolina Lopes - Identidade Visual
Caricatura da marca: Zeco Rodrigues
Política de Comentários
Assisi - Italia

  • Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon

SIGA DUECUORITALIA

Quanto custa viver na Itália?

1 Nov 2017

Depois de quase dois meses morando em Perugia, podemos começar a falar de diversas despesas do dia a dia.

Geralmente, quando procuramos essas informações, encontramos muitos vídeos e posts falando sobre compras em supermercados ou lojas, mostrando apenas uma pequena parte dessa história.

 

Aqui na Itália, o custo de vida é muito relativo e depende do quanto você  pretende e pode gastar.

Começando pela moradia, se é casa ou apartamento, se é próximo ao centro da cidade, se está próximo do comércio local, se há transporte público disponível ou se você utiliza carro, bicicleta, etc.

 

Além disso, cada família tem seus hábitos e costumes; o tipo de compra que faço não é o mesmo que o seu e os preços variam muito em cada cidade e estabelecimento comercial.

Um exemplo real: assisti a um vídeo de um blog brasileiro no qual a pessoa pagou 0,42 centavos de euro a garrafa de água de 1,5L ; eu pago 0,05 centavos.  

Outro fator importante é a maneira como utilizamos água, luz e gás mas, genericamente, podemos tentar mensurar as despesas conforme o que já pudemos constatar em Perugia:

 

- aluguel de apartamento com 1 ou 2 dormitórios: entre 250 a 400 euros, dependendo da localização e cidade

- TV aberta (sim, aqui se paga a RAI, a tv pública): 10 euros / mês

- água, luz e gás: 200 euros / mês para 2 pessoas mas sem desperdício

- taxa do lixo: entre 30 e 40 euros / mês 

- celular: entre 6 e 10 euros por 4 semanas (planos entre 5gb e 15gb)

- celular + internet em casa (combo): 30 euros / mês

- transporte público: 1,50 euro (ônibus/minimetrò - validade 90 minutos)

- supermercado: é o tema menos preocupante pois não custa muito se alimentar bem e depende do seu tipo de alimentação. Para duas pessoas a despesa fica entre 250 e 350 euros / mês (com vinhos e queijos de ótima qualidade)

 

Outras despesas a título de curiosidade e que pudemos comprovar:

- faxineira: 8 euros / hora

- empregada ou baba: entre 1.000 e 2.000 euros; somente com registro - a informalidade e proibida é punida com pesadas multas 

- pintor: 600 euros para pintar cozinha, sala, banheiro, um quarto e corredor (eu mesma pintei!)

- encanador: 100 euros para troca de chuveiro e troca de pia

- carro usado em bom estado: 3.000 euros 

- gasolina: 1,40 euros / litro (e ainda há outras opções como o gás, diesel e eletricidade!)

- cabeleleira: 40 euros (corte + tintura)

- manicure : 20 euros

- academia : 60 euros / mês

- um anti-inflamatório: 8 euros (Voltaren)

 

Lembramos que, geralmente, o valor do aluguel é bem maior nas cidades como Roma, Florença, Milão, Veneza, Bologna, Verona e outras.

Você pode ter uma ideia pesquisando no site immobiliare.it

 

Faça as contas. O que você pensa?

Uma coisa podemos garantir: não venha despreparado, pesquise, planeje, aprenda o nível básico da língua italiana e verifique tudo o que é necessário pra você conseguir mudar a sua vida, assim como nós estamos fazendo. Isso mesmo, é um processo contínuo e ainda estamos nos adaptando.

 

Viver na Itália é molto bello mas é muito diferente!

É fundamental se preparar para lidar com o novo, desde as coisas mais simples como a qualidade da água, a burocracia bem diferente da nossa, até a forma como as pessoas se relacionam, o clima e muito mais. É reaprender a viver.

 

Se você quiser saber mais sobre curiosidades ou precisar de algum esclarecimento, escreva pra nós: duecuoritalia@gmail.com

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Please reload